Digite para procurar

Passos: Covid deve se estabilizar em setembro

Saúde

Passos: Covid deve se estabilizar em setembro

Compartilhar

Resumo da matéria:
♦Com a confirmação da contaminação de um vereador de Passos, Câmara Municipal prepara a desinfecção do prédio

♦Secretário de Saúde Evandro Bogo fez um apelo para que a população deixe de fazer festas

♦Informou que todas as notificações de eventos clandestinos foram enviadas ao Ministério Público

♦Apresentações artísticas para o público em bares e restaurantes, assim como jogos em quadras poliesportivas, estão vedados *

♦Parceria com academias vai promover eventos esportivos com distanciamento social e uso de máscaras todos os domingos na Avenida Sabiá

A curva de crescimento da Covid-19 só deve se estabilizar em Passos no início de setembro. A estimativa é do secretário municipal de Saúde, Evandro Bogo. Em entrevista concedida na manhã deste sábado ao jornalista Mário Junior (na foto, à esquerda) durante o programa Passos em Pauta, da Rádio Passos, Bogo disse que a previsão do chamado platô – quando a disseminação do vírus começa a estacionar – foi feita com base em estudos realizados pelo setor de epidemiologia da pasta. Ele ponderou, entretanto, que esta estabilização depende muito da colaboração das pessoas em manter as medidas de higiene e distanciamento social. “A pandemia ainda está aí, com a contaminação comunitária. Ainda é cedo para falar em queda.”

Números
Até a noite de sexta-feira, segundo dados da Secretaria Municipal de Saúde, Passos contava com 554 casos confirmados, 502 recuperados e 13 óbitos. O número de mortes pode ser considerado baixo se comparado às estatísticas de municípios com população semelhante. Mas para Bogo, a situação está longe de ser confortável. “Confortável? De forma nenhuma. Jamais podemos nos esquecer dos que vieram a óbito e daqueles que estão com famílias hospitalizadas, sofrendo.”

Perfil dos pacientes
Passos chegou a ter quatro vezes mais homens que mulheres infectadas. Pouco a pouco, os números estão se invertendo. No levantamento divulgado ontem, havia 309 mulheres infectadas e 245 homens portadores do novo coronavírus. O secretário disse que não há uma explicação consolidada para esta inversão. Uma das hipóteses é de que, com a abertura do comércio, o público feminino esteja circulando mais que o masculino, o que tornaria as mulheres mais suscetíveis à contaminação.

Ele informou, entretanto, que o índice de agravamento do quadro clínico de homens com Covid-19 é bem superior ao de mulheres. “Via de regra tem acontecido globalmente [a maior recuperação de mulheres]. Existe um estudo global que está sendo feito a respeito disto. Uma das hipóteses é de que as mulheres se recuperem melhor por uma questão hormonal. Isto está em estudo.”

Testes
A Secretaria de Saúde de Passos tem realizado de 40 a 50 testes diários para detecção do coronavírus. Além de pacientes suspeitos que passaram pelo isolamento, são testadas também pessoas que moram junto com eles e profissionais que estão na linha de frente de combate à Covid-19. Bogo fez questão de ressaltar que somente são liberados para retornar às atividades normais os pacientes que já cumpriram o período obrigatório de isolamento e que, por isto, não oferecem mais riscos de contaminação.

Festas
“O pior de Passos são as festas clandestinas. Elas continuam ocorrendo”. Assim o secretário definiu um dos maiores obstáculos para conter a disseminação do coronavírus na cidade. Ele lembrou que a prefeitura não tem poder de polícia nem força de lei para entrar em uma casa e cancelar uma festa. Mas informou que todos os eventos clandestinos notificados estão sendo encaminhados ao Ministério Público, que tem a prerrogativa de oferecer denúncia ao Judiciário. “Quando eu faço uma festa clandestina, devo pensar bem na responsabilidade que estou assumindo. Posso ser assintomático e contaminar outras pessoas.”

Lockdown 
Sobre o lockdown, adotado em Passos no início da pandemia, o secretário avaliou como uma medida extrema, que só deve ser adotada em casos de agravamento da contaminação. “O cenário ideal seria pouquíssima circulação, comércio aberto e pessoas consumindo. Mas o pessoal ficou firme lá atrás [no lockdown feito em março] e depois relaxou. A interiorização da doença começou agora.”

Apresentações em bares e jogos em quadras
O secretário reforçou a proibição da realização de apresentações artísticas* para o público em bares e restaurantes de Passos. “Apresentações artísticas* pressupõem comemoração. O que eu vou comemorar? Uma pandemia? Comemorar que tem gente morrendo? Não é momento de festa. Live pressupõe festa, aglomeração, exposição longa. É o momento de sermos mais fraternos, mais solidários. O objetivo de permitir a abertura de bares, restaurantes e lanchonetes é fomentar a economia, mas com consumo rápido e restrição de horários para diminuir o tempo de exposição.”
Também segue proibida a prática de esportes coletivos em quadras poliesportivas para evitar aglomerações e contatos físicos.

Vereador contaminado
Com a confirmação da contaminação de um vereador de Passos pela Covid-19 (o nome não foi divulgado), o secretário disse que a Câmara Municipal prepara a desinfecção do prédio.

Hospital de campanha
Inaugurado logo no início da pandemia onde antes funcionava o hospital psiquiátrico Otto Krakauer, o Hospital de Campanha de Passos ainda não foi utilizado. Por lei, ele deve ficar disponível para tratar pacientes com Covid-19 até 31 de dezembro de 2020. “Graças a Deus temos quase certeza absoluta de que não precisaremos do hospital de campanha. A possibilidade é mínima. Temos a Unimed e a Santa Casa com capacidade instalada de leitos avantajada. Em janeiro, a próxima gestão terá que ver o destino do hospital de campanha.”

Novo decreto
Na mesma entrevista, o secretário divulgou o novo decreto de Passos ampliando o horário de funcionamento de bares, restaurantes, lanchonetes, academias, igrejas e templos religiosos. (Veja imagens abaixo). As resoluções foram tomadas com base na adesão do município ao programa Minas Consciente, do Governo do Estado. Sobre a divulgação das regiões de Passos com maior índice de contaminação, o secretário recomendou que a população acesse o site da prefeitura, já que, por força da legislação eleitoral, as redes sociais da administração municipal ficam desativadas durante a campanha.

 


 

Vacinas e atendimentos
Bogo reiterou que a campanha de reforço da vacinação contra o sarampo foi prorrogada para evitar a aglomeração nas unidades de saúde. Ontem foi dia de imunizar as comunidades rurais atendidas pelo programa Saúde no Campo. No próximo dia 29 será instalada uma tenda de vacinação na Praça do Rosário. A prefeitura prepara ainda um calendário de horários estendidos para as unidades do Programa de Saúde da Família, vacinação em feiras e empresas. O público-alvo é o adulto de 20 a 49 anos.

Esporte
Por fim, Bogo anunciou uma parceria entre a prefeitura e as academias de Passos para realizar, todos os domingos, das 08h às 16h, eventos esportivos na Avenida Sabiá. Haverá distribuição de máscaras aos participantes e cumprimento das regras de distanciamento social.

 

*O texto original publicado pela Verboaria informava:”Transmissão de lives em bares e restaurantes, assim como jogos em quadras poliesportivas, estão vedados”A Verboaria apenas reproduziu a pergunta do entrevistador, que questionava se era permitido fazer lives em bares e restaurantes, bem como a resposta do entrevistado. Às 18h39min deste sábado, o secretário entrou em contato com a Verboaria esclarecendo que quando se referiu a “lives” na entrevista, na verdade quis se fazer menção a apresentações artísticas feitas para o público de bares e restaurantes – estas, sim, vedadas. Evandro Bogo solicitou a alteração da expressão no texto para evitar qualquer transtorno, já que lives NÃO estão proibidas.

Tags:

Você também deve gostar

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *