Digite para procurar

Santa Casa de Passos anuncia criação do Hospital da Mulher e da Criança (HMC)

Destaque Saúde

Santa Casa de Passos anuncia criação do Hospital da Mulher e da Criança (HMC)

Compartilhar

Com um trabalho multidisciplinar, o objetivo será garantir a qualidade no atendimento desde o pré-natal até o acompanhamento da saúde da mãe e do filho

Da Redação – Imagem: Divulgação

Durante a celebração do Dia das Mães, realizada no último domingo, a Santa Casa de Misericórdia de Passos anunciou a transição conceitual do Complexo Materno Infantil para Hospital da Mulher e da Criança (HMC). Tendo como propósito toda a filosofia do Programa Materno Infantil (PROMAI), o HMC terá como objetivo desenvolver um trabalho multidisciplinar focado em alto nível de qualidade em saúde do grupo materno infantil, ao abranger pilares como o pré-natal, aleitamento materno e a saúde da mulher e da criança.

Continua depois da publicidade

Conheça a Farmácia Homeopassos

Influência do PROMAI
De acordo com o provedor da Santa Casa, Vivaldo Soares Neto, a filosofia do PROMAI será fundamental nesta transição. “Em seu DNA, este hospital tem a inspiração da existência do PROMAI que, há quase 25 anos, vem realizando ações que transformam a vida ao acolher o binômio mãe e bebê para oferecer vida mais saudável e feliz. Com certeza, o PROMAI é motivo de orgulho para a Santa Casa, sobretudo por seu atendimento humanizado e pelo incentivo à amamentação, que nos rendeu o título de Hospital Amigo da Criança”, afirmou.
Para a médica Maria Paula Moraes Vasconcelos, um dos objetivos da novidade é aprimorar o atendimento ao cuidado da mulher e da criança.

Muito pela frente
“Fazer essa mudança de rumo vai ser muito bom para o hospital. Muita coisa vai acontecer daqui para a frente e precisamos estar abertos para conseguir avançar nesse modelo de assistência”, afirmou Daniel Porto Soares, superintendente geral da Santa Casa.

Nascer saudável
Outra novidade anunciada foi o programa Nascer Saudável, uma extensão dos benefícios oferecidos pelo PROMAI a mães e bebês que não tenham passado pelo Programa Materno-Infantil nem tenham dado entrada no hospital via convênio. “O programa vai possibilitar às mulheres gestantes a opção de acesso a esse modelo assistencial de qualidade, segurança e humanizado. O HRC possibilitará uma mudança de chave importante para este momento”, salientou o superintendente. Até o final de maio a Santa Casa deve detalhar como será o Nascer Saudável.
“Tive a honra de acompanhar o crescimento do projeto como um filho para mim. Deixando a parte física de lado, também crescemos em conceitos e valores com o intuito de ganhar força. Somos uma grande equipe e trabalhamos juntos com muito amor”, afirmou a médica Rosana Porto Viana, coordenadora do Serviço de UTI Neonatal e Pediátrica do hospital.

O que é o PROMAI
A Santa Casa de Misericórdia de Passos criou em outubro de 1998 o Programa Materno Infantil (PROMAI) a fim de desenvolver um trabalho multidisciplinar comprometido em alcançar um alto nível de qualidade em saúde do grupo maternoinfantil. Desde então, desenvolveu um conjunto de ações dirigidas para o atendimento integral da mulher e do binômio mãe-filho.
Atualmente, o PROMAI trabalha em 4 módulos: Pré-Natal, Aleitamento Materno, Saúde da Criança e Saúde da Mulher.

Objetivo Geral
Desenvolver ações multidisciplinares integradas e articuladas com a rede de atendimento do SUS, visando a redução da taxa de mortalidade do binômio mãe-filho, bem como proporcionar melhorias na qualidade de vida da mulher e da criança.

Objetivos Específicos
• Oferecer atendimento integral às gestantes adolescentes e de alto risco pertencentes à macrorregião de Passos, desde o pré-natal até a alta segura da mãe e da criança.
• Desenvolver ações socioeducativas e de saúde com enfoque multidisciplinar, atendendo as necessidades integrais da mulher como paciente, mãe ou gestante.
• Envolver a comunidade nas ações socioeducativas do programa, fortalecendo o compromisso e a responsabilidade de todo cidadão para com a saúde.
• Administrar o cumprimento dos 10 Passos do aleitamento materno segundo orientação do Programa Hospital Amigo da Criança – UNICEF.
• Desenvolver ações que minimizem os efeitos psicossociais da internação materno infantil, principalmente as internações de longa permanência.
• Incentivar a educação continuada para profissionais do programa.
• Implementar o projeto de estrutura física e funcional da Unidade Materno Infantil, proporcionando condições adequadas para assistência médica e hospitalar humanizadoras.
• Promover a pesquisa sobre os resultados auferidos do programa e, por meio dos resultados, criar propostas de melhorias.
• Elaborar e coordenar projetos sociais que visem fortalecer a responsabilidade social do hospital para com toda a comunidade regional.

Com informações da assessoria de imprensa da Santa Casa de Passos

 

Siga a Verboaria no Facebook e no Instagram e fique por dentro das novidades todos os dias nos stories

Tags:

Você também deve gostar

Deixe um comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *